quarta-feira, 24 de março de 2021

Comissão da ALBA decide priorizar projeto de bancada feminina

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA) se reuniu de forma remota na manhã desta terça-feira (23) para discutir entre outros, a votação dos projetos apresentados pela bancada feminina da Casa, composta por 10 parlamentares. A ideia é que cada um já tenha um projeto debatido e votado na próxima terça-feira, dia 30 de março.

“Atualmente, temos 10 deputadas na Assembleia e esta atitude tem como objetivo trazer mais equidade, e também é uma forma de homenagear as mulheres no mês de março”, explicou Marcelino Galo (PT)  presidente da comissão, durante a sessão desta terça-feira. “Sabemos que a desigualdade de gênero nos diversos espaços da sociedade, principalmente na política, é grande e precisamos nos atentar e dar ainda mais visibilidade às iniciativas das mulheres”, acrescentou.

Ficou definido que até o final da tarde desta terça as deputadas deverão apresentar as propostas para serem analisadas na próxima semana. De acordo com a deputada Fabíola Mansur (PSB), a Comissão Especial da Mulher, presidida pela deputada Olívia Santana (PC do B), já fez uma triagem dos projetos da bancada feminina e definiu quais devem ser prioritários.

Osni Cardoso quer incluir clínicas oftalmológicas nos serviço essenciais

O deputado Osni Cardoso (PT) pediu, em indicação encaminhada ao governador Rui Costa, a inclusão das clínicas oftalmológicas, óticas e afins como serviços essenciais na Bahia. Ao defender a medida, o petista destacou que os atendimentos médicos desses profissionais se fazem essenciais para a população.

“Neste sentido”, disse o autor da indicação protocolada na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), “as clínicas oftalmológicas e óticas se tornariam essenciais, de modo que, durante a pandemia e na existência de medidas restritivas e fechamentos de comércios, esses serviços continuariam abertos, por ser de extrema necessidade para a população”.

Para o deputado, é necessário reconhecer a necessidade de cuidados com os olhos, bem como a importância do oftalmologista para a identificação e prevenção de doenças oculares. “Por isso, se faz de grande importância a presente indicação, além dos serviços médicos, como consultas e exames, as óticas também devem ser consideradas serviços essenciais, visto que a necessidade de compra de óculos e afins para a saúde ocular”, concluiu ele.

Alex da Piatã defende antecipação dos feriados

Em indicação encaminhada ao governador Rui Costa, o deputado Alex da Piatã (PSD) defendeu a antecipação dos feriados de 21 de abril e do São João para a Semana Santa deste ano.

Ao justificar o pedido no documento protocolado na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), Alex da Piatã explicou que ele tem como objetivo fortalecer as medidas de combate à disseminação da pandemia do coronavírus com a paralisação de atividades não essenciais na Semana Santa.

“Diante da atual situação de pico da pandemia, com a consequente falta de leitos, o que vem causando pânico para a população baiana, temos a esperança que nas datas que se antecipam, a situação já esteja mais branda, com o comércio funcionando e permitindo, desta forma, uma breve recuperação da economia do nosso Estado”, concluiu o parlamentar.